“Uma língua como herança” – documentário educativo sobre o ensino de POLH na Inglaterra

Por Coraci Ruiz e Julio Matos Uma lingua como heranca- documentario

Somos Coraci Ruiz e Julio Matos, documentaristas brasileiros. Em 2003 fundamos uma produtora de audiovisual na cidade de Campinas, São Paulo, chamada Laboratório Cisco, e desde então nos dedicamos a realizar filmes, vídeos e programas de TV sobre os mais diversos temas. O documentário Uma língua como herança é um desses projetos que realizamos em 2015.

Uma aventura em família

Nós temos dois filhos, a Violeta de 14 anos e o Martí de 9. Em 2013 partimos para morar um ano em Londres, acompanhando o Julio que foi fazer mestrado na Goldsmiths, Universidade de Londres. Fomos incrivelmente bem acolhidos nas escolas onde nossos filhos estudaram. Logo nos primeiros meses, a professora nos pediu para fazer uma apresentação sobre a nossa vida no Brasil para os colegas do Martí. Assim, elaboramos um slide show com fotografias da nossa casa, da escola brasileira, de viagens para a praia. Uma semana depois as fotos estavam impressas num mural na recepção. Junto com elas havia uma informação que nós nunca mais esquecemos: ali, naquela pequena escola no sul de Londres, havia nada menos do que 25 línguas faladas pelas crianças!

O universo do bilinguismo

Descobrimos que haviam muito mais questões, estudos e métodos relativos ao bilinguismo do que poderíamos imaginar! Também percebemos que havia pouquíssima divulgação sobre este tipo de trabalho. Assim, quando o Consulado-Geral do Brasil em Londres abriu o edital para propostas culturais relativas ao Ensino de POLH, logo pensamos que um documentário educativo seria uma ótima proposta. Ele poderia beneficiar o trabalho de muita gente ao mesmo tempo.

A produção e seu princípio

Sabemos que o audiovisual é uma ferramenta importante para espalhar idéias, ainda mais se for pensado num formato que una tanto as informações importantes sobre o tema quanto o lado afetivo que o envolve. E foi segundo este princípio que elaboramos o projeto de “Uma língua como herança”. A produção foi bastante prazerosa. Contamos com a colaboração fundamental da Laura Belinky na filmagem das aulas e das entrevistas com pais, alunos, professoras e diretoras no ambiente escolar.

As entrevistas

Depois realizamos uma rodada de entrevistas com diretores, professores e especialistas no assunto. Chegamos à Dra Ana Souza e às escolas Brasil em Arte, EBEL e Clube dos Brasileirinhos através da Abrir.

A edição

A edição é sempre um momento difícil, pois temos que fazer muitas escolhas e reduzir mais de 15 horas de material filmado em apenas 15 minutos de vídeo pronto. Ao mesmo tempo é uma delícia ver o vídeo tomando forma, as imagens e falas se juntando, a música dando o ritmo, o surgimento da narração em off…

Nossa experiência

Para nós foi uma ótima experiência, e esperamos que o vídeo seja de grande utilidade para todos aqueles que se dedicam ao ensino de POLH.

Agradecimentos

Gostaríamos de agradecer imensamente a todos os que colaboraram conosco e parabenizar essa comunidade de brasileiros que desenvolve trabalhos tão importantes e sérios com persistência e garra admiráveis!

Anúncios

Publicado em 01/11/2015, em Bilinguismo. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Comentário:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s