Arquivo mensal: agosto 2016

Campanha “Mostre Seu Melhor” indica livro de Jutta Bauer | “Show Your Best” Campaign indicates Jutta Bauer’s book

Professora conta sua experiência com o livro Mamãe Zangada

Teacher tells her experience with the book Mamãe Zangada (Mummy is Angry!)

.

A ABRIR apresenta o primeiro resultado da campanha “Mostre Seu Melhor”. A ideia é compartilhar conteúdos mais do que úteis sobre Língua Portuguesa, cultura brasileira, bilinguismo e tudo que faça parte desse universo. E nossa primeira contribuição veio do Brasil, da paulistana Anelise Sampaulo, que é professora de Educação Infantil e se diz encantada pelo mundo da literatura para crianças. Ela entrou em contato pelo Facebook e nos falou sobre o livro Mamãe Zangada, da autora Jutta Bauer.

ABRIR presents the first result of its “Show Your Best” campaign which aims to share useful information about Portuguese Language, Brazilian Culture, bilingualism and everything else about this universe. Our first contribution has come from Anelise Sampaulo, a Nursery School teacher from São Paulo, Brazil, who says to be enchanted with the world of literature for children. She contacted us through Facebook to tell us about the book “Mamãe Zangada”(Mummy is Angry!) written by Jutta Bauer.
.

.

Capa do livro Mamãe Zangada (Mamãe Zangada book cover)

Capa do livro Mamãe Zangada | Mamãe Zangada book cover

.

Mamãe Zangada, por Anelise Sampaulo
.

Em Mamãe Zangada, de Jutta Bauer, um pinguim filhote conta de maneira poética como se sentiu depois de ter levado uma bronca de sua mãe. Segundo ele, seu “corpo despedaçou em pleno ar”. A leitura flui de forma deliciosa enquanto ele nos diz onde foi parar cada parte de seu corpo e sua busca em se recompor.

Já li esse título inúmeras vezes para diversas crianças (entre 2 e 4 anos) e a reação é sempre muito parecida: todas ficam muito atentas! Adoram observar o virar de cada página e descobrir onde foi parar cada parte do corpo do pinguim. Além disso, parecem ter uma identificação imediata com o sentimento exprimido lindamente pelas ilustrações que mostram o quão vertiginosa pode ser uma discussão com os pais ou aqueles que têm forte vínculo afetivo com as crianças.

Mamãe Zangada é minha leitura recorrente com crianças pequenas. Recomendo a todos que queiram dividir com elas uma leitura deliciosa, afetiva e que fala de maneira delicada sobre situações reais da infância.

Esse título era editado no Brasil pela Cosac Naify, uma editora que, infelizmente, fechou. A versão editada em Portugal pela Editora Gatafunho leva o título “Quando a Mãe Grita”.

.

“Mamãe Zangada” by Anelise Sampaulo

In “Mamãe Zangada” by Jutta Bauer, a penguin chick describes in a poetic way how it felt having taken a scolding from its mother. In the penguim chick’s own words its “body broke up in pieces in the air”. The reading flows deliciously whilst it tells us where each part of the chick’s body ended up and its search to recompose itself.

I have read this book to a lot of children aged 2 to 4 years old and the reaction is always similar: all of them pay a lot of attention. They love observing the turning of the pages and discovering where each part of the penguin’s body has gone. Moreover, they show an instant identification with the feeling beautifully expressed by the illustrations that present how heart-stopping an argument with parents or with those who have strong affective bonds with the children can be.

“Mamãe Zangada” is my recurrent reading with little children. I recommend this book to everybody who wants to share a delicious and touching reading that describes in a delicate way real situations of childhood.

This book used to be published in Brazil by Cosac Naify, a book publisher with a quality catalogue that has, unfortunately, closed. The version published in Portugal by Gatafunho is entitled “Quando a Mãe Grita”.

..

A ilustração mostra a mamãe pinguim gritando com seu filhote | The illustration shows the penguin mum shouting with its chick

A ilustração mostra a mamãe pinguim gritando com seu filhote | The illustration shows the penguin mum shouting with its chick

O tronco do corpinho do pinguim foi parar no mar | The body of the penguin chick ended up in the sea

O tronco do corpinho do pinguim foi parar no mar | The body of the penguin chick ended up in the sea

.

Mais sobre a autora

 Jutta Bauer é uma escritora e ilustradora alemã de livros infantis. Além de “Mamãe Zangada”, ela escreveu “Selma”, “A Rainha das Cores” e “O Anjo da Guarda do Avô”.

“Eu acredito que histórias são como vasos. Elas oferecem a forma, mas cada leitor – não importa se jovem ou velho – preenche-as com suas experiências e próprias histórias”. (Jutta Bauer)

More about the author

Jutta Bauer is a German writer and illustrator of children books. Besides “Mamãe Zangada”, she wrote “Selma”, “A Rainha das Cores” and “O Anjo da Guarda do Avô”.

“I believe that stories are like vases. They offer a form, but every reader – no matter whether young or old – fills it anew with their experiences and their individual stories.” (Jutta Bauer)

.

Participe você também

Nossa campanha busca ótimas referências para pais e professores. Entre em contato pela página da Abrir no Facebook e envie as suas sugestões. São bem-vindos materiais didáticos, dicas de eventos, testemunhos de experiências e o que mais possa ser transformado em conteúdo de qualidade para a comunidade da Abrir.

Participate you too

Our campaign seeks out great book titles for parents and teachers. Contact us through our Facebook’s FanPage and send your suggestions. Teaching materials, events tips, testimony of experiences and anything else which can be transformed into quality content for ABRIR’s community are welcome.

Envie seu projeto para a ABRIR

envie-projetos

Clique na imagem para download de modelo de projeto.

 

SABIA QUE PODEMOS VIABILIZAR O SEU PROJETO?

Um dos objetivos da ABRIR é facilitar a divulgação do trabalho de profissionais ligados ao ensino de Português no Reino Unido; em outras palavras, fazer com que seu trabalho chegue a quem precisa!

Nós podemos ajudar em projetos na área de POLH (Português como Língua de Herança) e que oferecem oficinas para professores.

Aguardamos seu contato.

Envio de dúvidas ou propostas para:
Kenya Silva, Diretora de Projetos
kenya@abrir.org.uk